George Fitzgerald lança o que pode ser um dos melhores álbuns do ano. O DJ e o produtor londrinos lançaram seu altamente aguardado álbum “All That Must Be“.

Dez faixas, espalhadas por 40 minutos, é tudo que leva essa incrível viagem com Lil Silva, Hudson Scott, Tracey Thorn e o incrível Bonobo. Entre eles estão 10 faixas “Burns“, “Roll Back“, “Outgrown e “Half-Light – Night Version” destacam-se entre os outros.

Em entrevista à Mixmag, George FitzGerald disse:

“Este álbum traça um curso através de ter que crescer rapidamente e ser dividido entre uma existência anterior, hedonista e, de repente, ter que arranjar tudo. Muitas das gravações são aprender a se tornar um pai, ficando um pouco mais velho e tentando levar as coisas a um ritmo mais lento “.

Este álbum flui com facilidade da primeira faixa até o final, “Two Moons Under” abre o álbum, criando uma atmosfera que se torna muito mais. Através de “Burns“, uma faixa que foi lançada no ano passado, acumulando mais de 3 milhões de plays no spotify, a atmosfera é completamente transformada, mas nunca perdendo à sua essência. “Roll Back” e “Half-Light” são uma mudança emocional no álbum, camadas em camadas de melodias de qualidade e sintetizadores preenchidos com vocais maravilhosos. O álbum termina com “Passing Trains” o que é um calmo adeus, esta faixa é uma jornada em si, um resumo do que vivemos neste álbum.

O álbum está agora no Domino e você pode ouvi-lo abaixo, avise-nos o que você pensa nas mídias sociais. Nós gostaríamos de ouvir seus pensamentos. Podes encontrar o George em terras lusas no festival

Leave a Reply

Your email address will not be published.